BRANDING e a história das 7 maçãs mais famosas do mundo.

1- As maçãs da Califórnia e a Infância de Steve Jobs.     

O Branding tem a ver com a busca de SIGNIFICADOS. É o envolvimento com o SIGNIFICADO que faz a diferença. E a história de Steve Jobs parece ter tudo a ver com isso.

Em primeiro lugar, ele nasceu na CALIFÓRNIA. Um lugar nos Estados Unidos onde ficam as maiores plantações de Maçã do mundo.[

As plantações de Maçãs da Califórnia são muito famosas. São centenas e centenas de ranchos pertencentes a fazendeiros e produtores de maçãs, estabelecidos na região há mais de 100 anos.

As plantações de Maçãs da Califórnia são muito famosas. São centenas e centenas de ranchos pertencentes a fazendeiros e produtores de maçãs, estabelecidos na região há mais de 100 anos.

Ali, o cultivo da Maçã e preparação de produtos derivados da Maçã é uma coisa muito forte. Podemos então dizer que as Maçãs da Califórnia são o CONTEXTO DA HISTÓRIA de Steve Jobs.

Os ranchos produtores de Maçãs da Califórnia, além fazerem produtos caseiros com a Maçã, como pães, tortas, doces, geleias, etc. Também vendem suas maçãs em caixas para diversas cidades. Na região, eles promovem o TURISMO atraindo visitantes nas estações da flores e nas colheitas. Muitas maçãs da região da Flórida gozam do prestígio de terem suas próprias marcas.

Os ranchos produtores de Maçãs da Califórnia, além fazerem produtos caseiros com a Maçã, como pães, tortas, doces, geleias, etc. Também vendem suas maçãs em caixas para diversas cidades. Na região, eles promovem o TURISMO atraindo visitantes nas estações da flores e nas colheitas. Muitas maçãs da região da Flórida gozam do prestígio de terem suas próprias marcas.

A História de Steve Jobs começa nos anos 50, quando aparentemente todos os jovens do mundo começaram a se rebelar com a cultura imutável e quase estática da época. Naquele momento, dois jovens se enamoraram na faculdade. Ele se chamava Jandali e ela Joanne.  Como resultado do namoro, Joanne engravidou.

O pai biológico de Steve, Abdulfattah John Jandali, era um jovem sírio de tradição mulçumana. E a mãe, Joanne Carole Schieble, também jovem, com 23 anos, filha de alemães católicos. Os pais de ambos, de famílias muito conservadoras, não aceitavam um aborto de modo algum. Exigiram que a criança nascesse e fosse colocada para adoção, ou ambos seriam deserdados. Eles tiveram que aceitar a imposição dos pais e, em fevereiro de 1955, assim que nasceu, a criança – um menino – foi colocado para adoção.

O pai voltou para a Síria assim que o menino nasceu. A E mãe procurou um casal para adotar a criança que se comprometesse com o futuro do menino: ela decidiu que a família que o adotasse deveria proporcionar uma Faculdade para ele, de modo que ele pudesse ter um futuro.

Essas são algumas das poucas fotos do menino Steve Jobs. Na foto maior, ele com o pai adotivo, um homem que foi mecânico, tendo sido uma pessoa de comportamento meticuloso e muito disciplinado.

Essas são algumas das poucas fotos do menino Steve Jobs. Na foto maior, ele com o pai adotivo, um homem que foi mecânico, tendo sido uma pessoa de comportamento meticuloso e muito disciplinado.

Apareceu um casal, humilde, que adotou o menino: Paul Reinhold Jobs, mecânico e ex-membro da Guarda Costeira, e Clara Hagopian Jobs, filha de imigrantes armênios. O casal não tinha formação universitária e nem mesmo o segundo grau. Como poderiam dar ao bebê um curso universitário? O assunto ficou no ar por um longo tempo até que, sem opções, a mãe teve que aceitar que o casal adotasse o menino.

2- Maçãs: candy apple ou maçã do amor; a maçã de Adão e Eva; a maçã de Isaac Newton; a maçã que a bruxa deu para a Branca de Neve…

A infância do menino Steve Paul Jobs foi dividida entre observar o pai adotivo, com seu perfeccionismo fazendo coisas em sua oficina caseira, na garagem, além de ajudar a mãe a cuidar dos trabalhos da casa. Ela lavava, cozinhava, fazia doces, ia com o menino à igreja e também fazia alguns passeios pelas plantações de maçãs da Califórnia.

Essa foi a casa onde Steve Jobs viveu, cresceu e, bem depois, abriu sua empresa, utilizando a garagem como sua sede. Foi nesta casa que foi criado o primeiro Computador Pessoal da história, a Apple I e, depois também o Apple II.

Essa foi a casa onde Steve Jobs viveu, cresceu e, bem depois, abriu sua empresa, utilizando a garagem como sua sede. Foi nesta casa que foi criado o primeiro Computador Pessoal da história, a Apple I e, depois também o Apple II.

Apple Candy, que no Brasil é chamada de Maçã do Amor. Um dos doces que sua mãe adotiva fazia após os passeios e a compra de Maçãs nos ranchos da Califórnia.

Apple Candy, que no Brasil é chamada de Maçã do Amor. Um dos doces que sua mãe adotiva fazia após os passeios e a compra de Maçãs nos ranchos da Califórnia.

Dizem ainda que Steve aprendeu a apreciar o famoso Candy Apple, que no Brasil chamamos de Maçã do Amor, feito pela sua mãe adotiva. E dizem também que Steve ficou muito impressionado quando ouviu pela primeira vez na igreja a história de que “a serpente sugeriu que Eva desse a Maçã proibida para Adão” e que, por isso, ambos foram expulsos do Eden, aquele paraíso maravilhoso que Deus tinha dado a eles. O menino achou aterrorizadora a história de Adão e Eva devido ao castigo e à condenação do Todo Poderoso. Isso pesou na sua forma de ver a Religião e o deixou um pouco rebelde.

 A história do Fruto Proibido que levou à expulsão de Adão e Eva do Paraíso. Uma impactante história na vida de qualquer criança. Com Steve Jobs não seria diferente. Coisas da moral cristã...


A história do Fruto Proibido que levou à expulsão de Adão e Eva do Paraíso. Uma impactante história na vida de qualquer criança. Com Steve Jobs não seria diferente. Coisas da moral cristã…

Verdade ou não, dizem que isso fez com que a Maçã entrasse no inconsciente do menino Steve Jobs para nunca mais sair. Sua vida toda teria a ver com a Maçã.

Quando Steve estava no Colégio, nas aulas de ciências ficou sabendo de uma outra história, que quase todos nós conhecemos quando passamos pelo colégio. Contaram a ele que um tal de Isaac Newton estava debaixo de uma macieira e que uma das maçãs caiu em sua cabeça. Esse fato fez Newton raciocinar e concluir que a Maçã não caíra coisa nenhuma. Ela fora atraída pela FORÇA DA GRAVIDADE.

A história da Maçã de Isaac Newton foi bem mais divertida e mais impactante para Jobs.

A história da Maçã de Isaac Newton foi bem mais divertida e mais impactante para Jobs.

Steve apaixonou-se por essa história. Anos depois, ela iria gerar o primeiro logotipo da Apple e, depois, iria tornar-se um produto da empresa Apple, chamado NEWTON.

Newton estaria no primeiro logotipo da Apple, desenhado pelo próprio Jobs. E também em um dos produtos fracassados da empresa.

Newton estaria no primeiro logotipo da Apple, desenhado pelo próprio Jobs. E também em um dos produtos fracassados da empresa.

Enfim, algumas coisas foram entrando no inconsciente do menino e gradativamente as Maçãs foram ocupando um grande espaço na cabeça de Steve Jobs.

Certa vez sua mãe adotiva levou-o ao cinema para ver o famoso filme de Walt Disney, BRANCA DE NEVE E OS SETE ANÕES. No filme de Disney, de quem Steve Jobs acabou virando sócio e acionista, aparece uma bruxa oferecendo uma Maçã para a princesa Branca de Neve, que cai na enrolação da bruxa malvada.

A Maçã que a Bruxa deu para a Branca de Neve num dos mais famosos filmes de Walt Disney. Isso deve ter marcado Steve, que criou a PIXAR e lançou o filme TOY STORY. Jobs tornou-se acionista da Disney.

A Maçã que a Bruxa deu para a Branca de Neve num dos mais famosos filmes de Walt Disney. Isso deve ter marcado Steve, que criou a PIXAR e lançou o filme TOY STORY. Jobs tornou-se acionista da Disney.

Aquele desenho talvez também tenha influenciado Jobs, que bem depois, na sua vida adulta iria criar um estúdio de desenhos animados chamado PIXAR, que iria produzir um dos mais famosos filmes infantis para crianças e adultos, o TOY STORY. E ainda depois, Jobs venderia a PIXAR para a Disney e se tornaria o maior acionista individual da Disney Corporation.

3- Mais Maçãs: a Apple Records dos Beatles e a The Big Apple.

Na adolescência Steve Jobs foi um grande fã da música dos Beatles. Ele se identificava com a “fase dois” dos Beatles, notadamente a canção REVOLUTION. Ele se via como alguém que tinha uma missão aqui para melhorar ou revolucionar em uma série de coisas. Os Beatles, como se sabe, tinham uma gravadora chamada APPLE RECORDS e o símbolo da gravadora era uma Maçã Verde cortada ao meio. Naqueles anos 60, quando Jobs ouvia música, ouvia Beatles.

A Maçã dos Beatles, a APPLE RECORDS, com seus discos maravilhosos, ajudou a criar a REBELDIA e o estilo REVOLUTION de Steve Jobs.

A Maçã dos Beatles, a APPLE RECORDS, com seus discos maravilhosos, ajudou a criar a REBELDIA e o estilo REVOLUTION de Steve Jobs.

Quando Jobs criou a APPLE COMPUTER não demorou muito para receber uma ação judicial dos britânicos Beatles, que o acusaram de plágio. Eles queriam uma gigantesca indenização em dólares ou libras. Isso entrou numa quase interminável briga. No final, chegaram a um acordo lá pelo ano de 1985.

Pelo acordo feito, a APPLE Computer poderia até usar o nome APPLE, que era originalmente registrado pela APPLE Records tanto para a Inglaterra quanto para os Estado Unidos, desde que ela jamais entrasse no SETOR DE MÚSICAS, que era onde atuava a APPLE Records. Assim, a APPLE Computer assinou um termo de AJUSTAMENTO onde se comprometia a jamais vender músicas…

Bem, esse acordo teve que ser revisto algum tempo depois, pois a APPLE deixou de ser apenas computer para entrar no negócio de MÚSICA no ano de 2001, exatamente quando Steve Jobs lançou o iPod e o iTunes para vender música pela Internet.

Na verdade, Steve era um grande amante da música dos Beatles e ficava muito triste com aquele conflito. Ele queria que ser, talvez uma espécie de QUINTO BEATLE, no lugar de GEORGE MARTIN. Mas os herdeiros dos Beatles retomaram a briga em 2001.

A briga, jurídica e financeira, com os Beatles seria encerrada definitivamente em 2008, quando a APPLE, da Califórnia, faz um acordo para vender todas as músicas dos Beatles que eram do catálogo da APPLE Records pelo sistema que casava iPod com iTunes. Ou seja, Jobs passou a vender toda a música dos Beatles em qualquer lugar do mundo, de um jeito mais simples e mais moderno…

Steve e os Beatles, juntos em 2008. Relançamento e Reconciliação das DUAS APPLES na THE BIG APPLE city, New York.

Steve e os Beatles, juntos em 2008. Relançamento e Reconciliação das DUAS APPLES na THE BIG APPLE city, New York.

A reconciliação de Jobs com os Beatles foi um dos maiores eventos da Internet de todos os tempos e tudo foi acontecer, em primeira mão, na cidade de Nova York, na THE BIG APPLE City, onde a Apple Store tem a sua loja mais representativa. Ali, Jobs e sua equipe fez o maior “relançamento dos Beatles” de todos os tempos.

A abertura da APPLE Store no ponto mais central de New York, a THE BIG APPLE City.

A abertura da APPLE Store no ponto mais central de New York, a THE BIG APPLE City.

Não há nada mais SIMBÓLICO e nem mais SIGNIFICATIVO: a reconciliação APPLE and APPLE ocorre em Nova York, também conhecida como THE BIG APPLE City, desde os anos 20 do século XX. A Apple Store de NYC foi o palco para o lançamento da venda das músicas dos Beatles através do sistema iPod + iTunes.

A APPLE Store, uma loja onde as pessoas encontram todo e qualquer produto da APPLE de Steve Jobs, no ponto mais central de New York, conhecida como THE BIG APPLE City.

A APPLE Store, uma loja onde as pessoas encontram todo e qualquer produto da APPLE de Steve Jobs, no ponto mais central de New York, conhecida como THE BIG APPLE City.

4- Depois de tantas Maçãs, em 97, Steve Jobs retorna à sua empresa e consolida a marca APPLE como uma das mais valiosas do mundo…   

Em 1985, o Conselho Administrativo da Apple passou a perna em Steve Jobs e ele foi colocado para fora da empresa que criara. Saiu “danado da vida” mas com bastante dinheiro e abriu duas empresas: a NeXT, uma empresa de computadores, onde foi desenvolver um novo sistema operacional, uma espécie de evolução do sistema operacional que havia criado na Apple; e a PIXAR, um estúdio de desenho animado por computador, onde ele vai experimentar o sistema NeXT.

Alguns anos depois, a APPLE entrou numa grave dificuldade financeira, com queda de vendas e queda no valor das ações. A APPLE então reaproxima-se de Steve Jobs e propõe que ele volte para a empresa, trazendo o seu sistema operacional NeXT para fazer as mudanças e recolocar a empresa novamente na rota do sucesso. Steve aceita e volta para fazer a maior “criação de valor” de toda a história da APPLE. O sistema NeXT se tornaria o Mac IOS.

Ao voltar, ele limpa a linha de produtos e decide deixar menos espaço para os COMPUTADORES. Antes de voltar, porém, ele vende a PIXAR para a Disney e torna-se o maior acionista individual da empresa, além de ver o filme TOY STORY ser sucesso absoluto em cinemas de todo o mundo em 95.

Nessa volta para a Apple, em 96, Steve Jobs pensa menos em COMPUTADORES e mais em sistemas interconectados pela Internet. Em 98, ele lança o computador iMac  para Internet e depois vai lançar o software iMovie, o Ipod e o iTunes, o iPhone e por fim o iCloud.

Quando Steve Jobs faleceu, em Outubro de 2010, pessoas do mundo todo prestaram homenagens, com velas acesas, mensagens, flores e também Maçãs. Muitas maçãs...

Quando Steve Jobs faleceu, em Outubro de 2010, pessoas do mundo todo prestaram homenagens, com velas acesas, mensagens, flores e também Maçãs. Muitas maçãs…

Steve Jobs construiu a Maçã mais revolucionária da história das Marcas e Negócios. Faleceu em Outubro de 2011, quando os jovens e joviais do mundo inteiro lhe prestaram homenagens acendendo velas, rezando e colocando Maçãs como oferenda e gratidão pelo que Jobs fez.

_______________________________________________________________________________________________________________

Texto de: Augusto Nascimento, Consultor de Branding e Marketing da Innovax-BBI Consultoria, do Grupo BBI. Ficam autorizadas cópias para fins de divulgação um-a-um (exceto publicação), desde que citado este site como fonte, bem como o autor do artigo. Para contatar o autor, ligue para (11) 2338.4939 ou então envie mensagem através do formulário deste site.